Disfunção Erétil NUNCA Mais! O FIM Da Impotência Masculina

A disfunção erétil ( AO 1945 : eréctil) é a incapacidade de manter pênis ereto para uma satisfatória relação sexual A partir do final da década de 1990, surgimento de novos medicamentos para tratar essa disfunção (bem como as intensas campanhas publicitárias que os acompanharam) aumentou a atenção sobre tema. Níveis altos ou baixos de testosterona podem causar disfunções nas partes do corpo normalmente reguladas pelo hormônio. Muitos fisioterapeutas sexuais prescrevem uma série de exercícios para que os homens possam adquirir controle da ejaculação. Nos homens, a testosterona é produzida principalmente nos testículos, com uma pequena quantidade produzida nas glândulas suprarrenais.

A impotência sexual está relacionada a diversas doenças e tratar a disfunção envolve obrigatoriamente a descoberta de sua causa. A disfunção erétil é um problema que afeta 50% dos homens acima dos 40 anos. Níveis de testosterona acima da média incluem benefícios aos homens, como a normalização da pressão sanguínea e a diminuição da probabilidade de casos de obesidade e ataques cardíacos.

Os estudos indicam que em média 30% dos homens em todo mundo sofrem de ejaculação precoce masculina. No entanto, isso não quer dizer que surgimento do problema no homem mais jovem não precisa ser investigado: ele pode sim ser um sinal de que há algo de errado no corpo.

Na maior parte dos casos, prognóstico da disfunção erétil é bom, visto que existem muitos tratamentos para problema nos dias de hoje. Em um primeiro momento, urologista pode querer avaliar pênis em busca de algum sinal que pode indicar uma causa para a disfunção erétil.

Com os tratamentos disponíveis a 98% dos casos de disfunção erétil são tratáveis. Na maioria dos casos, os tratamentos são centrados em gradualmente treinar e melhorar a habituação mental para sexo e desenvolvimento físico de controle de estímulos. Controlar a ejaculação e não gozar read more rápido é absolutamente possível.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *